Como começar a vender roupas com 1000 reais?

Como começar a vender roupas com 1000 reais

Você ainda não começou seu negócio porque não tem capital para investir? E se falássemos para você que tem como começar a vender roupas com 1000 reais?

Isso mesmo! O investimento é muito baixo e o retorno é muito bom. Se você fizer boas vendas, em pouco tempo terá esse dinheiro de volta e poderá ainda reinvestir.

A grande vantagem desse segmento de roupas é que não sofre muito com a crise, afinal, as pessoas precisam continuar se vestindo, seja para ficar em casa.

A dica é você escolher um nicho de mercado pouco explorado, mas ao mesmo tempo rentável, para isso, é essencial fazer uma pesquisa de mercado, estudar seus concorrentes, conhecer seu público…

Se você gostou da ideia, vamos te mostrar um passo a passo de como abrir seu negócio de roupas com 1000 reais!

É possível começar a vender roupas com 1000 reais?

Sim, é possível como começar a vender roupas com 1000 reais, desde que os seus produtos sejam de qualidade, com bom preço e claro, que atendam às necessidades dos seus clientes.

Por exemplo, não adianta oferecer roupas de grife para um público que não tem condições de pagar e vice-versa. Pessoas acostumadas com alto padrão, não se interessam por roupas populares.

Daí a importância de fazer um planejamento antes de começar, particularmente em relação ao seu público-alvo e do que gostam de vestir.

Se é a primeira vez que você está vendendo roupas, confira, a seguir, um passo a passo para te ajudar nessa jornada!

Como começar a vender roupas com 1000 reais: passo a passo

Assim como qualquer outro negócio, a chave está no planejamento. Por isso, preparamos um passo a passo de como começar a vender roupas com 1000 reais:

Definir seu público

Com base no seu público-alvo, vai ficar mais fácil escolher as roupas, não só na questão de estilo, mas que também estejam dentro da sua realidade financeira.

Você não vai oferecer uma lingerie Selene de 500 reais para uma pessoa que recebe salário mínimo, não é mesmo?

Portanto, assim que definir para quem você vai vender, conhecer seus interesses e necessidades, aí sim você vai começar a pesquisar sobre quais roupas eles mais se interessariam.

Por exemplo, o público será feminino, masculino ou infantil? Qual faixa etária? Essas são algumas perguntas que você deve se fazer.

Quais tipos de roupas

Com seu público definido, é o momento de pensar em quais tipos de roupas você vai vender.

Vamos supor que você vai vender para mulheres. Tenha em mente que esse universo é imenso, e a dica para quem está começando é focar em um nicho de mercado específico.

Com o tempo e já com uma base de clientes, você pode se expandir para outros mercados.

Por exemplo, você pode começar com roupas de academia, e depois vender roupas íntimas, e se quiser expandir ainda mais, incluir o público masculino.

Escolhendo os fornecedores

Com base nos tipos de roupas que você quer vender, é o momento de pesquisar fornecedores.

A dica aqui é encontrar um fornecedor que trabalhe com materiais de qualidade, mas que também ofereça um preço razoável, pois senão o valor final dos seus produtos pode se tornar inviável.

Por outro lado, você também não pode se fixar apenas pelo preço e esquecer da qualidade do produto, portanto, é necessário avaliar muito bem o custo benefício.

Como você tem 1000 reais para investir, o ideal é pegar uma peça de cada modelo, que serviria como uma espécie de mostruário.

E caso algum cliente se interesse, é só pedir ao seu fornecedor, e sua venda já estará garantida.

Vale lembrar que a maioria dos fornecedores trabalha com um prazo de pagamento, dessa forma, você tem um tempo para vender.

Onde divulgar

Para quem está começando, nada melhor que as redes sociais, pois é aí que estão seus potenciais clientes.

No caso do Instagram, é importante fazer uma breve descrição sobre seu negócio na bio, postar fotos de qualidade e responder quase que em tempo real as mensagens e comentários.

Isso ajuda a se aproximar do seu cliente, gerando mais interação.

E se você tiver um site, não se esqueça de inserir um link. Caso contrário, deixe seu endereço de e-mail e telefone.

Você também pode mandar fazer panfletos e distribuir no condomínio onde mora, na academia, nas escola das crianças…

O objetivo de toda essa divulgação é fazer com que mais e mais pessoas conheçam o que você está vendendo.

Preste muita atenção nesse passo a passo, pois é o que pode garantir o sucesso do seu negócio.

Como começar a vender roupas com 1000 reais?

Depois de seguir todo o passo a passo acima, chegou o momento de vender!

Até criar uma carteira de clientes, pode demorar um pouco, mas isso é normal, afinal de contas, as pessoas ainda não te conhecem.

Além disso, nada de ficar querendo vender a qualquer custo. Aprenda a escutar e entender o que seus clientes gostam e desejam.

Então, conhecendo seu público-alvo, na hora de escolher as roupas, pense no que ele gostaria e que compraria de olhos fechados, pois a chance de vender é bem grande.

Com a prática, você vai vendo o que funciona mais e o que não funciona, porém, o mais importante você já fez, que é aprender a como começar a vender roupas com 1000 reais.

Você vai gostar também: Renda Variável é um Bom Negócio para Iniciantes?